Avon - Visibilidade Lésbica Visibilidade Lésbica - Avon

Dia nacional da visibilidade

Dia nacional da visibilidade Lésbica

Quando se fala em pautas LGBTQ+, nem todos os grupos ganham grande foco. Por isso, algumas letras da sigla precisam de mais atenção. É o caso do L.

O Dia Nacional da Visibilidade Lésbica tem essa missão autointitulada. Desde 1996, o dia 29 de agosto é um marco em memória, luta e visibilidade para lésbicas. Diferente dos homens homossexuais, as demandas desse grupo compreendem outras camadas: além das questões socioculturais (que permeiam machismo e misoginia, por exemplo) que perseguem a mulher, há ainda uma homofobia específica que, combinada com esses mesmos elementos citados, culminam em violência e lesbofobia (talvez essa palavra seja nova para você. Não se esqueça de pesquisar mais!).

É sabido que mulheres têm menos oportunidades do que homens, em várias esferas. Dentro desse recorte, é sabido também que mulheres negras, gordas, transexuais, mais ou menos afeminadas atentam para outras questões ainda mais pontuais e diversas de acordo com suas vivências. Por isso, o Dia Nacional da Visibilidade Lésbica é o momento de entendermos as demandas tão específicas que essas mulheres exigem. E - mais importante ainda - de entender que não exigem para benefício próprio, mas, sim, pelo direito básico de viver numa sociedade menos violenta.

É hora de ouvir, ler, assistir, perguntar, pesquisar, aprender com outras mulheres. Ninguém melhor do que elas para amplificar a própria voz.

Não há "aliados". Há apenas a obrigação de olharmos para essas e outras pessoas que podem nos ajudar a quebrar o silêncio e a torná-las cada vez mais presentes.